A Barbárie dos Tempos Modernos

segunda-feira, maio 05, 2003

" Pode-se amar todos, todas as pessoas, todos os seus semelhantes ? - eu me faço constantemente essa pergunta. É claro que não, é até antinatural. No amor abstrato pela humanidade você quase sempre ama apenas a si mesmo. "
De um personagem de Dostoiévski em O Idiota

Lembrei dessa frase quando soube que Lula iniciou sua tentativa de implantar o FOME ZERO no mundo inteiro, mesmo sabendo que é um projeto falido, como ele mesmo já demonstrou ter consciência.

" Se até o senhor acabou de declarar que o próprio defensor declarou em um julgamento que não existe nada mais natural do que matar seis pessoas movido pela pobreza , então é o final dos tempos "
De outro personagem de Dostoiévski em O Idiota

Sempro lembro dessa frase quando alguém elogia o filme Cidade de Deus.