A Barbárie dos Tempos Modernos

segunda-feira, maio 19, 2003

Se eu não estivesse no Brasil e se o presidente atual não fosse Lula, juro que não acreditaria na notícia que vi no Jornal Hoje há 10 minutos :

O MST invadiu um engenho e ateou fogo na casa e nos equipamentos "sob a supervisão da polícia, que estava ali para evitar um possível confronto". Juro que foi assim que deram a notícia !

Será que é difícil para os telespectadores entenderem o que eles quiseram dizer ?

Sei que vou parecer um imbecil, mas vou explicar assim mesmo : em pleno Jornal Hoje, a apresentadora, sem a menor expressão de surpresa ou de que algo estivesse fugindo ao padrão da normalidade, nos informa que a polícia estava lá para garantir que os invasores pudessem invadir e destruir a propriedade alheia com segurança !!!. Vou insistir : notem bem, a polícia, eu disse a polícia !, não estava lá para garantir o direito de propriedade de ninguém, mas sim para garantir que a invasão e a destruição ocorressem com tranqüilidade, ou seja, se houvesse resistência por parte dos donos da propriedade, eles agiriam contra os donos !!!

Isso é mais ou menos a mesma coisa de um policial ver um ladrão invadindo uma casa e, ao perceber que o dono está acordado, apontar a arma em direção a ele para garantir que o assalto transcorra normalmente.