A Barbárie dos Tempos Modernos

sábado, dezembro 27, 2003

Homem-Almadén

Para que serve um vinho seco de má qualidade ? Para nada. Ou só para isso : para que os que nada entendem de vinho digam que ele é melhor do aquele vinho doce de 3 reais que aquela senhora de vestido vermelho pregueado estava tomando num cantinho da festa de ontem.

Se o vinho é ruim, é melhor que seja doce, porque proporciona um pouco de prazer a senhoras de vestido vermelho pregueado. E é sempre um prazer sincero. Estúpido, mas sincero.

Já vinhos como o Almadén, nem agradam aos bons apreciadores nem a senhoras de vestido vermelho pregueado, servem apenas para que bobões fiquem sorrindo dela sem saber que eles sequer são dignos de que se gaste uma risada.

Os intelectuais brasileiros são como vinhos Almadén. Para nada servem, a não ser para que bobões que os apreciam saim por aí dando risada de outros que não os conhecem e que, por isso, ainda consomem vinho doce, tipo livros de auto-ajuda e coisas do gênero.

Pois eu prefiro os que curtem vinho doce. É claro que, se pudesse, todos os dias bateria um papo reagado a um bom vinho. Mas nessa impossibilidade, prefiro as senhoras de vestido vermelho pregueado aos Homens-Almadén. Tome vinho doce com elas e às vezes até descubro algum sabor oculto especial. Já os Homens-Almáden não me descem bem. Sempre engasgo e acabo cuspindo.