A Barbárie dos Tempos Modernos

quinta-feira, fevereiro 26, 2004

Um dia especial

Nesse dia, não adianta teimar, é mesmo o sol que gira em volta da terra. E gira quase dançando, assobiando alguma sonata de Mozart. E a lua se veste de branco, deixando a cauda bater nos meus olhos. É quando agradeço a Deus e tento sonhar com os anjos, mas não sem lembrar de pedir que o ritual se repita por muitos e muitos anos.