A Barbárie dos Tempos Modernos

quinta-feira, agosto 12, 2004

O fim do Brasil

Alguns podem dizer que o início do fim já começou há muito tempo. Mas refiro-me aqui a algo oficial. O início do fim do Brasil é o mês de agosto de 2004. A pequena e frágil melhora da economia foi suficiente para que o Governo começasse a tomar todas as medidas autoritárias que sempre planejou. Os tolos que se empolgaram com a política econômica de Palocci não têm mais argumentos a apresentar. Foram feitos de trouxa.

É lamentável ver as pessoas debaterem se devem ou não entregar sua consciência, seu coração, seus órgãos, sua família, sua vida ao Governo ou não. Uns dizem que o fígado tudo bem, mas o rim não, o rim é demais. Outros acham que o coração tudo bem, mas o cérebro não. Uma senhora me disse que o tronco sim, mas os membros não, porque é manicure e pedicure. Uns dizem que o pai tudo bem, mas a mãe não, porque os gerou. Quanto às sogras, já há uma maior concordância, mas nada justifica, nada.

O Brasil já acabou. Para onde vamos agora?