A Barbárie dos Tempos Modernos

segunda-feira, novembro 15, 2004

Os defeitos de Bush

Numa carta publicada em um jornal de Santa Catarina, o coordenador do curso de Relações Internacionais da Univali apontou os principais defeitos do presidente reeleito dos EUA: defender os valores familiares, ir à Igreja, ser contra o aborto e o homossexualismo. Pisquei três vezes e li de novo. Era isso mesmo.

Não consegui conter o riso quando li que "apesar de todas as previsões mostrarem um desfecho contrário, Bush acabou vencendo", o que prova a "mentalidade colonialista do americano". Se tivesse lido isso no Polo Norte, saberia que foi uma brasileiro que escreveu.